Inovar para sobreviver

Inovar para sobreviver

Inovar para sobreviver

Há pouco mais de 50 anos era lançado o filme “2001: uma odisseia no espaço”, uma brilhante adaptação do conto de ficção científica de Arthur Clarke, dirigido por Stanley Kubrick.

Em uma das cenas mais icônicas da história do cinema, um ancestral da espécie humana segura um osso e o utiliza como ferramenta de guerra e de caça, evento marcante no processo evolutivo que determinou o surgimento do homem na Terra milhões de anos mais tarde.

Inovar para sobreviverPode-se dizer que, de certa forma, a cena descreve a visão de Clarke e Kubrick da primeira inovação ocorrida em nosso planeta, sem a qual provavelmente os Australopithecus teriam sido precocemente extintos e possivelmente a nossa espécie não teria sequer existido.

Foi-se há muito a noção de que o ato de inovar estaria ligado unicamente ao desenvolvimento de novas tecnologias para produtos e serviços até então desconhecidos do mercado. O conceito de inovação hoje vai muito além das inovações disruptivas e abrange também pequenas melhorias contínuas em produtos, processos e modelos de negócio, chamadas inovações incrementais. Nos dois casos o ato de inovar possibilita a geração de vantagens competitivas a médio e longo prazo, sendo essencial para a sustentabilidade das empresas no futuro.

Se presente na estratégia central das empresas, a inovação orienta investimentos, estabelece o foco de pesquisas e desenvolvimento de produtos, determina estratégias de comercialização, interfere em praticamente todos os processos da organização. A inovação passa pela melhoria ou pela criação de modelos de negócio, otimização de processos organizacionais, criação de novas formas de atender às demandas do mercado, e, principalmente, de competição no ambiente empresarial.

Especialmente em mercados comoditizados, onde os produtos possuem qualidade e características uniformes, a inovação é a única maneira das empresas agregarem valor aos seus negócios, estabelecendo algum diferencial sobre as demais. As que buscam inovar, seja de forma radical ou incremental, seja em produtos, processos ou modelo de negócio, estabelecem uma posição de destaque frente a seus concorrentes, possibilitando o acesso a novos mercados, a ampliação de receitas, o estabelecimento de novas parcerias e o aumento da exposição de suas marcas, assegurando sua sobrevivência e sua longevidade.

Quando Arthur Clarke e Stanley Kubrick em 1968 produziram este filme, talvez não tenham se dado conta que naquelas cenas, cheias de silêncios, música clássica e efeitos visuais, estaria uma verdadeira aula de competição e inovação no mundo empresarial moderno. Por certo não previram que, meio século depois, quando aquele aparentemente longínquo ano de 2001 já teria virado passado, estariam, através de sua obra, demonstrando de forma tão singela às empresas a importância de inovar como estratégia para sobreviver.

Equipe Portal de Inovação

O Portal de Inovação é um Sistema WEB oferecido na modalidades SaaS que visa apoiar o processo de Gestão de Inovação das empresas.

3 Comentários

Katriny Publicado em10:12 am - out 8, 2018

Gostaria de saber mais sobre o produto

Carlos Publicado em3:24 pm - out 8, 2018

Testes de Carlos

Talyta Fernandes Sales Publicado em12:02 pm - out 10, 2018

Adorei o texto